SOMOS OU NÃO SOMOS A DIFERENÇA ?!?!

“Vós sois o sal da terra; e se o sal for insípido, com que se há de salgar? Para nada mais presta senão para se lançar fora, e ser pisado pelos homens. Vós sois a luz do mundo; não se pode esconder uma cidade edificada sobre um monte; Nem se acende a candeia e se coloca debaixo do alqueire, mas no velador, e dá luz a todos que estão na casa. Assim resplandeça a vossa luz diante dos homens, para que vejam as vossas boas obras e glorifiquem a vosso Pai, que está nos céus”. (Mateus 5, 13 a 16).


Nós cristãos, crentes em CRISTO JESUS somos diferentes daqueles que não serve a DEUS (Malaquias 3.18; II Crônicas 12.8; Levítico 10.10), somos, sim, diferentes dessa geração que não honra e agrada a DEUS! Pois, somo o sal da terra, mas se o sal for insosso, como a de salgar a terra? Então, irmãos precisamos ser a cidade edificada no monte, edificados em CRISTO JESUS, somos luz, e luz fica num lugar alto para iluminar a todos. Se fazermos a vontade de DEUS o mundo verá a luz que brilha em nosso ser, pois, somo filhos da luz e essa luz é JESUS! (João 8.12). Fazendo assim, o DEUS que está nos céus será glorificado!

De pensar que têm “crentes” que querem se igualar ao mundo, é de se sentir muito perplexo. Se somos diferentes, temos que mostrar a diferença, seja em que for e onde for, seja no modo de falar, no jeito de andar, na forma de pensar, até mesmo no modo de se vestir! Seja na escola, no trabalho, na rua, onde for!Porque o mundo não agrada a DEUS (Romanos 8.8), os que agradam a DEUS são aqueles que O “adoram em espírito e em verdade” (João 4.23), aqueles que têm fé no DEUS TODO-PODEROSO, agradando a DEUS e servindo ao SENHOR JESUS CRISTO e fazendo de coração a vontade de DEUS, não servindo aos homens, para agradá-los (Efésios 6.6).

Mulheres cristãs brasileiras, pertencentes à Assembléia de Deus, devem usar calças? Será edificante para o espírito? Será edificante para o continuo da obra de DEUS? Será agradável a DEUS? O uso da calça entre as mulheres evangélicas será uma ferramenta para a adoração e louvor a DEUS? Ou as irmãs querem entrar na moda do mundo?

Aqueles que são a favor do uso de calça entre as mulheres evangélicas, usam alguns termos, para defender essa idéia, tipo esses: “que de primeiro era ‘pecado’ assistir programas de TV e atualmente não é ‘pecado’”; “o que realmente importa é o interior de cada um, ‘o coração em sua sinceridade para com DEUS’, ou o exterior, ‘as vestes’, porque não é o que veste que vai ti dizer quem é você, ou se você é salvo ou não”.
(SERÀ?)

Usa também esse outro: “que tem muitas outras denominações que permitem mulheres ‘cristãs’ usarem calças, normalmente, e porque não liberar logo para todos”. E mais: “que não será uma roupa que impedirá daquela pessoa ser salva”. (SERÁ!?!? SERÁ?!?!)

Alegam também que: a bíblia não diz que as mulheres cristãs não podem usar calças. “As Sagradas Escrituras quem as escreveram foi DEUS e ninguém pode mudar, mas, as normas e doutrinas da Igreja, quem as fizeram foi os homens e os homens podem mudar as regras e doutrinas, ou seja, as regras podem ser mudadas pelos pastores em suas reuniões de convenção estaduais e nacionais, ou até mesmo internacionais, se foi os homens quem as fizeram, eles podem mudar se entrarem em um consenso”.
Tem muitas mulheres sendo usadas por DEUS, profetizando, louvando, pregando, fazendo muitos milagres no nome de Jesus e usam calças, brincos, posseiras e com corte de cabelo curto.

O que dizer sobre isso? Se antes não era permitido o uso de mini-saias e atualmente é “permitido” o uso das ‘minis’ e porque não permitir o uso de calça entre as mulheres evangélicas da Assembléia de DEUS?

Por outro lado os contra alertam que não deve ser permitido o uso de calça entre as mulheres cristãs, porque seria muito escandaloso (certo que os tempos mudaram e que alguns costumes também) e deixaram bem claro que existem exceções, como por exemplo: “se no emprego exigir que só aceite mulheres que usem calça, ai sim, teria que usar, porque é regra, norma do emprego”. Mas só no emprego e nada mais.


Minha humilde opinião sobre esse tema muito polêmico, deve ser liberado, para as mulheres evangélicas da AD, o uso de calças.Somos diferentes desse mundo cheio de corrupção, o apóstolo Paulo escreveu aos filipenses dizendo: “Para que sejais irrepreensíveis e sinceros, filhos de DEUS inculpáveis no meio duma geração corrompida e perversa, entre a qual resplandeceis como astros do mundo” (Filipenses 2:15).

Temos que agir como luz do mundo e sal da terra, é nossa obrigação impedir a degenerescência irremediável da sociedade. Se o mundo se corrompe, a Igreja se renova no poder de DEUS.Pois, luz é para iluminar as trevas e não pode se misturar com as trevas. Sal da terra, somos nós a diferença dessa terra, se o mundo se comporta de maneira que desagrada a DEUS, nós, que somos sal da terra e luz do mundo, devemos nos comporta de forma que agrade a DEUS e se o mundo se veste de maneira vulgar, nós, que somos filhos de DEUS (guiados pelo Espírito de DEUS), devemos nos vestir de forma que seja bem visto perante os olhos do SENHOR DEUS PAI.

Existem dois tipos de pessoas no mundo, aquela que influência e aquela que é influenciada.·

A pessoa que influência: é aquela que através das suas atitudes, de seu mo do de pensar, de seu jeito de andar e até mesmo no seu modo de vestir influência as demais; essa pessoa tem crédito e predomina perante as outras.·

A pessoa que é influenciada: é aquela que não toma atitude de nada sozinha, espera uma outra pessoa se manifestar contra ou a favor de algo, para “seguir” o protesto ou dar a sua opinião sobre o caso, seja em que for. Suas atitudes, forma de pensar e modo de vestir são tomados através das pessoas influentes.

Você se identifica com qual tipo de pessoa?

A que influência ou a que é influenciada?

O mundo não pode influenciar em nada em nossas vidas, nós não podemos deixar que o mundo nos influencie. Não é só porque as mulheres do mundo usam calças que as mulheres evangélicas devem usar calças também. Temos que influenciar o mundo e não o mundo influenciar nós. Como devemos influenciar o mundo?

Nós podemos influenciar o mundo em nossas atitudes, em nossa forma de pensar, na maneira de caminhar, no jeito de falar e até no modo de vestir, é, nas vestes! Se cada um de nós der um bom testemunho como cristão que obedece fielmente a DEUS, se assim fizermos estaremos influenciado o mundo a se arrepender de seus pecados, através de nós, que somos a diferença desse mundo, o sal da terra e luz do mundo, podemos sim, de fato, influenciar o mundo.

Imagine:
Você pode influenciar o seu visinho, como? No modo de falar ou no estilo de se vestir. Certa vez, eu estava caminhando pela rua e uma senhora que vinha no oposto da minha direção, me parou no meio da rua e me perguntou: Você é crente? Eu que não a conhecia, responde surpreso pela pergunta: Sou sim, Graças a DEUS. E ela disse: Eu sabia, o seu caminhar o denuncia, é diferente dos demais. Veja bem, ela me reconheceu que eu sou crente pelo meu caminhar, então, até a maneira, o jeito de caminhar influencia e muito o mundo.
(Você não acha?)
Imagine o modo de se vestir!?!?


“FINALMENTE, irmãos, vos rogamos e exortamos no Senhor Jesus, que assim como recebestes de nós, de que maneira convém andar e AGRADAR a Deus, assim andai, para que possais progredir cada vez mais”.(I Tessalonicenses 4.1)


Respeitosamente

Marcelo Vieira

5 comentários:

José Rinaldo de Santana disse...

Existe uma resolução das Assembléias de Deus resolução essa que foi elaborada na 22ª Convenção geral da Assembléias de Deus. Vja
Resolução
“E ser-me-eis santos, porque eu, o Senhor, sou santo, e separei-vos dos povos, para serdes meus”, Lv 20.26.

“ - A 22ª Convenção Geral das Assembléias de Deus no Brasil, reunida na cidade de Santo André, Estado de São Paulo, reafirma o seu ponto de vista no tocante aos sadios princípios estabelecidos como doutrina na Palavra de Deus – a Bíblia Sagrada – e conservados como costumes desde o início desta Obra no Brasil. Imbuída sempre dos mais altos propósitos, ela, a Convenção Geral, deliberou pela votação unânime e dos delegados das igrejas da mesma fé e ordem, em nosso país, que as mesmas igrejas se abstenham do seguinte:

1. Uso de cabelos crescidos, pelos membros do sexo masculino;

2. Uso de traje masculino, por parte dos membros ou congregados, do sexo feminino;

3. Uso de pinturas nos olhos, unhas e outros órgãos da face;

4. Corte de cabelos, por parte das irmãs (membros ou congregados);

5. Sobrancelhas alteradas;

6. Uso de mini-saias e outras roupas contrárias ao bom testemunho da vida cristã;

7. Uso de aparelho de televisão – convindo abster-se, tendo em vista a má qualidade da maioria dos seus programas; abstenção essa que justifica, inclusive, por conduzir a eventuais problemas de saúde; e

8. Uso de bebidas alcoólicas.

Esta Convenção resolve manter relações fraternais com outros movimentos pentecostais, desde que não sejam oriundos de trabalhos iniciados ou dirigidos por pessoas excluídas das ‘Assembléias de Deus’, bem como manter comunhão espiritual com movimentos de renovação espiritual, que mantenham os mesmos princípios estabelecidos nesta resolução. Relações essas que devem ser mantidas com prudência e sabedoria, a fim de que não ocorram possíveis desvios das normas doutrinárias esposadas e defendidas pelas Assembléias de Deus no Brasil”.

MARCELO VIEIRA disse...

Já que existe esta resolução das Assembléias de Deus, que as igrejas se abstenham.

E porque não seguir o que a resolução disse. Se esta proibido, então devemos cumprir estas regras e doutrinas.

O que esta acontecendo atualmente é um caso de desobediência, se disse não faça isso, então, não faça, só faça quando for liberado. Agora ta desobedecendo, usando o que não pode e não deve, isso é feio, é horrível. Isto causa, até, divisão na igreja, murmuração, devemos nos abster para não provocar o fraco na fé.

Em geral, por falta de conhecimento, os cristãos fracos suscitam uma infinidade de barreiras que acabam por comprometer o seu crescimento espiritual. Em Roma, por exemplo, os cristãos de origem judaica achavam que comer carne era pecado; outros, ainda presos à lei de Moisés, guardavam o sábado e outros dias tidos como sagrados pelo judaísmo.
Quanto a tais coisas a Bíblia diz: “Estai, pois, firmes na liberdade com que CRISTO nos libertou, e não torneis a colocar-vos debaixo do jugo da servidão” (Gl 5. 1)

Temos que nos cuidar, pois, nós estamos, ainda, sendo provado. E para que não enfraqueçamos é necessário leitura da Palavra de Deus, agradando a Ele, sendo obedientes a Ele e a todas as regras e doutrinas da Igreja.

LEIA DE NOVO!!!

“Esta Convenção resolve manter relações fraternais com outros movimentos pentecostais, desde que não sejam oriundos de trabalhos iniciados ou dirigidos por pessoas excluídas das ‘Assembléias de Deus’, bem como manter comunhão espiritual com movimentos de renovação espiritual, que mantenham os mesmos princípios estabelecidos nesta resolução. Relações essas que devem ser mantidas com prudência e sabedoria, a fim de que não ocorram possíveis desvios das normas doutrinárias esposadas e defendidas pelas Assembléias de Deus no Brasil”.

José Rinaldo de Santana disse...

Graça e paz, Ainda que não existisse uma resolução das Assembléias de Deus, os crentes teem em mãos o estatuto divino. O Salmista "Bete" Sl. 119.16 se expressa de maneira maravilhosa: Alegrar-me-ei nos teus estatutos; não me esquecerei da tua palavra. Quando temos a palavra de Deus como nosso estatuto, não há como se conformar com essa modernidade. Rm. 12.2 Não vos conformeis com este mundo, mas transformais_vos pela renovação do vosso entendimento, para que experimenteis qual seja a boa e agradavel e perfeita vontade de Deus. O bom, agradavel, perfeito, é isto que Deus quer para nós Ef 5.10,17 - Aprovando o que é agradavel ao Senhor. Pelo que não sejais insensatos, mas entendei qual seja a vontade do Senhor. O Apostolo Paulo quando escreveu aos efesios no capitulo 4.17,20-23 - E digo isto e testifico no Senhor, para que não andeis mais como andam tambem os outros gentios, na vaidade do seu sentido. Mas vós não aprendestes assim a Cristo, se é que o tendes ouvido e nele fostesensinados, como está a verdade em Jesus, que, quanto ao trato passado, vos despojeis do velho homem, que se corrompe pelas concupiscencias do engano, e vos renoveis no espirito do vosso sentido.
Fonte
Biblia de Estudo Aplicação Pessoal
Dc. José Rinaldo de Santana

Mundo cristão disse...

Éisso ai ..se puder vite tanbem meu blog , um abraço e fique cm Deus

Anônimo disse...

Muito rico e edificador esse blog.

Mas, gostaria de fazer uma pergunta. Se puder me responda:
Se isto consta na resolção da CGADB, então, por que um grupo de igrejas Assembleias de Deus tem uma doutrina menos ortodoxa??